pistonudos.com

Será que voltaremos a ver carros com o logotipo da Saab?


A NEVS tem uma unidade de produção em construção na China que deverá ser capaz de fabricar 200.000 carros por ano, enquanto ainda depende do que resta da rede de vendas e distribuição da Saab.

Mas será que isto nos dá esperança de voltar a ver carros com o logotipo da Saab na grelha? Bem, o que quer que te digam, hoje essa possibilidade está mais longe do que nunca.


O mau tratamento de uma marca é algo que nenhuma indústria pode pagar. Sabendo disso, a Saab AB, fabricante sueca de armamento e construtor de aviões de combate, tinha um ás na manga nas negociações para a venda do que restava da Saab a um novo proprietário.

A Saab AB é proprietária da marca Saab para vender carros, e decidiu condicionar a licença para usar e explorar o nome ao novo proprietário, NEVS neste caso, não declarando falência. Se o fizesse, a licença da Saab AB para usar o nome comercial expiraria.

E assim aconteceu, pela enésima vez. A empresa-mãe da Saab como fabricante de automóveis entrou em falência e suspendeu a produção do 9-3 pouco depois de ter sido reiniciada. A Saab AB retirou, como havia ameaçado, a licença, e a NEVS ficou sem a possibilidade de nomear seus futuros carros Saab.

A NEVS continua a afirmar que, se resolver o problema financeiro e reiniciar a produção de automóveis na Suécia, não terá problemas em convencer a Saab AB a conceder-lhe uma licença. Mas este aspecto, que parecia certo quando a NEVS deixou de fabricar carros, tem sido atenuado ao longo dos meses.

Quando questionados sobre isso, os executivos da Saab AB garantiram que não têm intenção de devolver a licença à NEVS "sem mais nem menos", e será necessário um plano sólido e bem apoiado financeiramente para que eles devolvam a marca. Parece-nos sensato, porque tantos relançamentos sem sucesso e a tentativa de vender um produto claramente obsoleto como o 9-3 num segmento de mercado extremamente competitivo e em declínio (o segmento D) causaram muitos danos à percepção geral do que é a Saab.


Então, ou a NEVS elabora um plano sério e realmente o consegue, ou acabamos por ver algo semelhante ao Roewe como o sucessor do Rover...

Adicione um comentário a partir de Será que voltaremos a ver carros com o logotipo da Saab?
Comentário enviado com sucesso! Vamos revisá-lo nas próximas horas.