O Dirt Rally quer ser o seu simulador realista de rally

    Porquê? Bem, para começar, há uma questão que, até hoje, ainda não é viável de resolver para o usuário doméstico convencional: as já mencionadas "Forças G". Quando você já foi motorista, ou já esteve na estrada várias vezes de forma consistente, seu corpo se acostuma a vários inputs para controlar o carro. Seus ouvidos trabalham com seus giroscópios ativados pela força G para avaliar o quanto o carro gira, lança e se inclina nas curvas, avaliando as forças a que está sendo submetido. Entretanto, seu traseiro (sim, seu traseiro) é aquele que "lê" em correlação com o que seus olhos vêem e o que seus ouvidos dizem, o quanto a traseira do carro está se afastando do eixo dianteiro.


    Dessa combina√ß√£o de informa√ß√Ķes vem o que chamamos de experi√™ncia de condu√ß√£o, refor√ßada pelas informa√ß√Ķes que chegam √†s palmas das m√£os atrav√©s do volante, do pedal do trav√£o e tamb√©m pelos sons e cheiros.

    Parte dessas sensa√ß√Ķes, as sensa√ß√Ķes t√°teis do volante e as sensa√ß√Ķes sonoras, assim como as informa√ß√Ķes visuais, podem ser mais ou menos reproduzidas em um simulador "home", mas voc√™ nunca ter√° a experi√™ncia completa de dirigir. Pelo menos n√£o com a tecnologia de hoje.

    Isto significa que, quando se salta da condu√ß√£o "na realidade" para a condu√ß√£o virtual, √© muito dif√≠cil igualar o desempenho. Porqu√™? Bem, porque para aqueles de n√≥s que passaram muitos anos e muitos milh√Ķes de quil√≥metros atr√°s de volantes reais, faltam-nos as informa√ß√Ķes com as quais os nossos c√©rebros normalmente trabalham. Precisamos ativar os sensores de guinada, os sensores da for√ßa G... Coisas que os "pilotos virtuais" se acostumaram a n√£o ter, sendo substitu√≠dos pelos dados fornecidos por consoles de v√≠deo e computadores.

    O Dirt Rally quer ser o seu simulador realista de rally


    √Č uma experi√™ncia, portanto, que ainda hoje √© muito distante. E embora tenha pontos em comum, ainda n√£o √© totalmente equivalente.

    Mas al√©m desses julgamentos que sempre gosto de lembrar, para enfatizar que devemos valorizar as experi√™ncias de dire√ß√£o reais e virtuais como duas coisas muito diferentes, devemos tamb√©m elogiar o esfor√ßo que, dia ap√≥s dia, muitos criadores de videogames est√£o realizando, em busca de modelos de simula√ß√£o matem√°tica cada vez mais fi√©is ao que a f√≠sica e a mec√Ęnica ditam, para que os carros se comportem como na realidade.

    Alguns videogames com grande circula√ß√£o gabam-se de seu "realismo", mas isto deve ser tomado com muitas aspas. Um bom exemplo √© o jogo de v√≠deo autom√≥vel mais popular e famoso do planeta: Gran Turismo. Tente derrubar um carro, ou tente encontrar equival√™ncia entre carros reais e suas representa√ß√Ķes de videogame em termos de comportamento, e voc√™ ver√° que ainda h√° muito a ser feito nesta frente. √Č verdade que a n√≠vel visual, o aspecto mais exigido pelos compradores destes videojogos, atingimos uma excel√™ncia que √© dif√≠cil de melhorar. Mas ainda h√° muito a fazer. Mesmo t√≠tulos "nerd" como Assetto Corsa ainda est√£o longe de replicar a din√Ęmica certa (derrubar um Robin Reliant e ele vai saltar do ch√£o como uma "bola louca").

    √Č f√°cil criticar, claro, mas a evolu√ß√£o da t√©cnica ainda levar√° tempo, anos, para que pelo menos o modelo de dano e o modelo din√Ęmico acabem convergindo com a realidade f√≠sica que encontramos nas estradas.

    E o que acontece se mudarmos o asfalto para as superfícies quebradas de baixa aderência dos ralis? Fica ainda mais complicado. Pense que simular o comportamento do pneu-assalto em solo plano e sem buracos já é uma tarefa árdua que muitas vezes está além das capacidades computacionais dos computadores e consoles em nossas casas.


    O Dirt Rally quer ser o seu simulador realista de rally

    Se voc√™ tentar simular uma se√ß√£o de rali, as coisas ficam realmente complicadas, j√° que voc√™ tem que considerar as mudan√ßas de superf√≠cie, mudan√ßas de ader√™ncia, in√©rcia das massas n√£o suspensas, varia√ß√£o do tipo de pneu, mudan√ßas de temperatura... √Č realmente uma loucura.

    Assim, embora os modelos de danos, com placas voadoras e assim por diante, tenham melhorado muito ao longo dos anos, a realidade é que a simulação de rali está ainda mais longe da realidade do que a simulação convencional de condução em pista.


    √Č claro que h√° muitos t√≠tulos divertidos de rali no passado e no presente, mas estamos muito longe, como eu disse, de encontrar uma simula√ß√£o fiel √†s sensa√ß√Ķes das corridas de rali (e sei um pouco sobre isso).

    Mas agora os Codemasters querem mudar esta tendência. O seu novo projecto chama-se Dirt Rally, e é um jogo de computador, que podes comprar e desfrutar aqui mesmo, que promete acrescentar uma dimensão de simulação nunca antes vista aos visuais familiares da série Dirt.

    √Č menos "espect√°culo" e mais realismo.

    O jogo est√° actualmente em "acesso antecipado". Ou seja, voc√™ paga para comprar um "beta" que vai evoluir para o produto final, como o Assetto Corsa. A ideia dos Codemasters √© recolher opini√Ķes destes clientes iniciais que pagam para jogar nas sec√ß√Ķes e com os carros que o jogo tem neste momento. A partir destas opini√Ķes, o jogo vai evoluir e melhorar, gra√ßas ao "poder da opini√£o do povo".

    Achamos que é uma boa iniciativa, queres jogar?

    Adicione um coment√°rio do O Dirt Rally quer ser o seu simulador realista de rally
    Comentário enviado com sucesso! Vamos analisá-lo nas próximas horas.

    End of content

    No more pages to load