pistonudos.com

Um dos Mustangs Ford do filme Bullitt encontrado num ferro-velho.


Antes de procederem à restauração, consultaram Kevin Marti, especialista da Mustang e proprietário da Marti Auto Works, que tem a base de dados de todos os modelos fabricados pela Ford de 1967 a 2012. A próxima coisa que eles fizeram foi procurar o VIN, ou seja, o número de identificação do veículo ou VIN. Esta referência é o número de série que todos os veículos têm gravado no chassis, este veículo tinha alguma ferrugem, mas foi encontrado como autêntico.


Depois veio a surpresa ao ritmo de Lalo Schiffrin: segundo o arquivo de números de série de Marti, este modelo era um dos dois veículos usados nas filmagens de Bullit, um filme em que Steve McQueen interpreta um detetive duro que deve caçar um Dodge Charger ocupado por "os bandidos". Um dos dois Mustangs das filmagens estava sendo rastreado, o outro - o que estamos falando - depois de mudar de dono várias vezes, foi considerado perdido até aquele momento.

Quando compreendemos a sua origem, as modificações encontradas fizeram sentido. Os reforços do eixo traseiro e do chassis foram feitos para poder suportar os saltos na perseguição pelas ruas de São Francisco, os misteriosos buracos no tronco eram para segurar a câmera subjetiva e, claro, a cor original era o verde escocês. A perseguição foi um tiroteio de três semanas concentrado numa emocionante perseguição de cerca de seis minutos.

Apesar de muitas falhas de produção - mossas vêm e vão, mais calotas do que rodas saltam e múltiplas ultrapassagens no mesmo carocha verde - nos grandes planos é Steve McQueen a conduzir, a velocidade é real e não há uma gota de computador, o que era impossível no final dos anos 60. Tudo isto torna a perseguição tão envolvente como era no momento do lançamento do filme. A mesma escola criada para os seguintes filmes, por outro lado aumentou as vendas do modelo, mais na mesma cor e é muitas vezes conhecido como o Mustang Bullitt.


O Mustang encontrado de novo está praticamente restaurado e já tem compradores potenciais, embora não esteja à venda, talvez porque o filme terá 50 anos em 2018 e o seu preço poderá ser ainda mais alto.


É paradoxal que este modelo, sendo um verdadeiro protagonista de um filme, quase se torne uma cópia de outro. Neste caso, a raspadinha - a partir do número de série do chassi - foi recompensada graças a um telefonema.

Adicione um comentário a partir de Um dos Mustangs Ford do filme Bullitt encontrado num ferro-velho.
Comentário enviado com sucesso! Vamos revisá-lo nas próximas horas.